Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/16321
Tipo do documento: Artigo
Título: Seasonal variability of the essential oils of eugenia uniflora leaves
Autor: Costa, Deomar Plácido da
Santos, Suzana da Costa
Seraphin, Jose Carlos
Ferri, Pedro Henrique
Resumo: A influência sazonal na composição química dos óleos essenciais das folhas de Eugenia uniflora de um biótipo de cor de fruto vermelho-alaranjado indicou a presença de dois grupos de óleos em relação às duas estações do Cerrado brasileiro. O grupo I incluiu amostras coletadas na estação seca (abril-setembro), caracterizadas por conterem as mais altas percentagens de espatulenol (10%) e óxido de cariofileno (4,1%). No grupo II, com amostras coletadas na estação úmida (outubro-março), o constituinte majoritário foi o epóxido de selina-1,3,7(11)-trien-8-ona (29%). A correlação canônica indicou que o espatulenol e o óxido de cariofileno apresentaram um forte relacionamento com o balanço de nutrientes (S, Ca, Fe) e os fenólicos foliares, enquanto o epóxido de selina-1,3,7(11)-trien-8-ona foi correlacionado ao conteúdo de K, Cu, Mn e a precipitação nos meses da estação úmida. Os sesquiterpenos oxigenados predominaram em todas as amostras e a variação química nos óleos essenciais parece ser determinada pelo ambiente com uma clara influência sazonal.
Abstract: Seasonal influence on the chemical composition of essential oils of Eugenia uniflora leaves with red-orange fruit colour biotype has indicated the presence of two oil clusters in the two seasons of the Brazilian Cerrado. Cluster I included samples collected during dry months (April-September) which were characterized by the highest percentages of spathulenol (10%) and caryophyllene oxide (4.1%). In cluster II, whose samples were collected during wet months (October-March), the major constituent was selina-1,3,7(11)-trien-8-one epoxide (29%). The canonical correlation indicated that spathulenol and caryophyllene oxide revealed a strong relationship with the phenolics and nutrient balance (S, Ca, Fe) in leaves, whereas selina-1,3,7(11)-trien-8-one epoxide was related to K, Cu, Mn, and precipitation during the months of the wet season. Oxygenated sesquiterpenes were predominant in all the sampling months and the oil chemovariation observed might be environmentally determined by a clear seasonal influence.
Palavras-chave: Eugenia uniflora
Myrtaceae
Essential oil
Seasonal influence
Principal component analysis
Canonical correlation analysis
País: Brasil
Unidade acadêmica: Instituto de Química - IQ (RG)
Citação: COSTA, Deomar. P. et al. Seasonal variability of the essential oils of eugenia uniflora leaves. Journal of the Brazilian Chemical Society, Campinas, v. 20, n. 7, p. 1287-1293, June 2009.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.1590/S0103-50532009000700013
Identificador do documento: 10.1590/S0103-50532009000700013
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/16321
Data de publicação: Jun-2009
Aparece nas coleções:IQ - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Deomar Plácido da Costa - 2009.pdf259,65 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons