Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/18389
Tipo do documento: Artigo
Título: Aspectos reprodutivos e desempenho de diferentes linhagens de matrizes de codornas japonesas
Título(s) alternativo(s): Reproductive aspects and performance of differents strains of japanese quail breeders
Autor: Leandro, Nadja Susana Mogyca
Café, Marcos Barcellos
Stringhini, José Henrique
Gomes, Natali Almeida
Mendonça, Raiana Almeida Noleto
Araújo, Itallo Conrado Sousa
Resumo: Objetivou-se avaliar parâmetros reprodutivos e o desempenho de diferentes grupos genéticos de codornas japonesas com diferentes pesos iniciais de produção. O delineamento experimental utilizado para os dados de desempenho zootécnico das aves foi inteiramente casualizado, com esquema fatorial 3 x 2 (três linhagens: UEM1, UEM2 e Comercial (COM), e duas classes de peso: leves e pesadas), totalizando seis tratamentos, com oito repetições cada, portanto 48 parcelas. Cada parcela continha oito aves (dois machos e seis fêmeas), num total de 384 codornas. Foi analisado: a idade ao primeiro ovo, idade aos 50% de produção, idade de pico de produção e persistência de pico em semanas. O desempenho foi analisado por meio da produção de ovos, consumo de ração, conversão alimentar e mortalidade. Ainda, foi estudado a produção de ovos incubáveis. A linhagem COM apresentou maior peso vivo às seis semanas de idade, sendo UEM 1 e UEM 2 semelhantes entre si. Para a idade ao primeiro ovo, o grupo COM se equiparou UEM 1, sendo a UEM 2 foi mais tardia. Já para a variável idade aos 50% de produção de ovos a linhagem COM apresentou-se mais precoce em relação às demais linhagens. Não foi observado efeito do peso das codornas sobre a idade do primeiro ovo. Não houve efeito de interação entre linhagem e peso inicial das aves para nenhuma das variáveis de desempenho reprodutivo estudadas. Ainda, pode-se observar que não houve diferença entre os grupos genéticos ou peso corporal inicial para produção de ovos, quando considerado o período de 6 a 26 semanas de idade. Não houve diferença entre os grupos genéticos para consumo de ração durante o período de 20 semanas estudado e não houve efeito do peso inicial de produção sobre essa variável (P>0,05). A conversão alimentar kg/dz, melhorou pelos grupos das linhagens UEM 1 e UEM 2. Para a peso de ovos incubáveis o grupo comercial apresentou maior peso. Foi possível concluir que o melhoramento genético de codornas japonesas de postura necessita aprimoramento e que linhagem comercial não melhorada pode apresentar resultados semelhantes às linhagens melhoradas.
Abstract: The objective was to evaluate the performance and reproductive parameters of different genetics groups of Japanese quails with different initial weights. The experimental design was completely randomized, with a factorial 3 x 2 (three strains (UEM1, UEM2 and Commercial (COM)) and two weight classes (light and heavy), totaling six treatments. Was used with eight replications, totaling 48 plots. Each plot contained eight birds (two males and six females), with a total of 384 quails. The COM line presented higher live weight at six weeks of age, being UEM 1 and UEM 2 similar to each other. For age at first egg, the COM group equated EMU 1, with EMU 2 being later. For the variable age at 50% of egg production, the COM strain was earlier than the others. No effect of quail weight was observed on the age of the first egg. There was no interaction effect between strain and initial weight of the birds for any of the reproductive performance. Also, it can be observed that there was no difference between the genetic groups or initial body weight for egg production, when considered the period from six to 26 weeks of age. There was no difference between the genetic groups for feed intake during the 20-week period studied and there was no effect of the initial weight of production on this variable. For the results of the feed conversion index kg/eggs, it can be observed that the best results were presented by the groups of the EMU 1 and EMU 2 strains. It was possible to conclude that genetic improvement of Japanese laying quails requires better adjusts and that an unimproved commercial strain may present similar results to the improved lineages.
Palavras-chave: Coturnicultura
Coturnix coturnix japonica
Ovos férteis
Fertile eggs
Quail production
País: Brasil
Instituição: Luiz Augusto Batista Brito
Sigla da instituição: UFG
Unidade acadêmica: Escola de Veterinária e Zootecnia (EVZ) - RG
Citação: LEANDRO, Nadja Susana Mogyca; CAFÉ, Marcos Barcellos; STRINGHINI, José Henrique; GOMES, Natali Almeida; MENDONÇA, Raiana Almeida Noleto; ARAÚJO, Itallo Conrado Sousa. Aspectos reprodutivos e desempenho de diferentes linhagens de matrizes de codornas japonesas. Ciência Animal Brasileira, Goiânia, v. 20, p. 1-10, e44896, 2019.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.1590/1809-6891v20e-44896
Identificador do documento: 10.1590/1809-6891v20e-44896
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/18389
Data de publicação: 2019
Aparece nas coleções:EVZ - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Nadja Susana Mogyca Leandro - 2019.pdf833,82 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons