Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/18852
Tipo do documento: Artigo
Título: Cisteína como antioxidante para a criopreservação de sêmen de garanhões considerado de baixa congelabilidade
Título(s) alternativo(s): Cysteine as an antioxidant to frozen semen of “bad freezer” stallions
Autor: Francisco Júnior, Arthur
Oliveira, Rodrigo Arruda de
Oliveira, Francisco José Gonçalves de
Oliveira Filho, Benedito Dias
Gambarini, Maria Lúcia
Resumo: Objetivou-se avaliar o efeito da adição de cisteína (CIS), como agente antioxidante, no diluente utilizado para criopreservação de espermatozoides equinos com histórico de sêmen com baixa congelabilidade. Três amostras seminais de sete garanhões foram obtidas por meio de vagina artificial, diluídas em meio comercial (Botusêmen) e distribuídas em dois tratamentos: controle e CIS (2,5 mM de cisteína) e criopreservadas. Após o descongelamento, as avaliações in vitro foram: cinética espermática computadorizada e avaliação da integridade das membranas plasmática e acrossomal por meio de sondas fluorescentes. Verificou-se que no grupo CIS o percentual de motilidade total e progressiva (23,95 ± 3,33; 4,66 ± 0,84), respectivamente, foi superior em relação às amostras do grupo controle (11,38 ± 2,35; 2,04 ± 0,36), (P < 0,01). Não houve diferença com relação à integridade das membranas plasmática (12,5 ± 2,6 x 15,1 ± 2,6) e acrossomal (24,2 ± 3,6 x 25,4 ± 3,85), (P > 0,05), quando se comparou grupo controle e cisteína, respectivamente. Levando-se em consideração que a motilidade apresenta alta correlação com a fertilidade, os resultados sugerem que a adição de cisteína na concentração de 2,5 mM ao meio diluente antes do congelamento de sêmen incrementa a qualidade dos espermatozoides criopreservados de animais considerados de baixa congelabilidade.
Abstract: The aim of this experiment was to evaluate the effect of in vitro addition of cysteine (CIS) as antioxidant used for frozen semen of "bad freezer" stallions. Three semen samples from seven stallions were obtained by artificial vagina, diluted in commercial extender (Botusêmen) and splited in two treatments: control and CIS (2.5 mM of cysteine) and cryopreserved. After post-thaw, the analyzed parameters were: computerized analysis of sperm movement characteristics and acrosmal and plasma membrane integrity by fluorescent probes. Total and progressive motility were higher (P < 0.01) in CIS group (23.95 ± 3.33; 4.66 ± 0.84) when compared with control group (11.38 ± 2.35; 2.04 ± 0.36), respectively. Regarding plasma and acrosomal membrane integrity there was no difference (P > 0.05) (12.5 ± 2.6 x 15.1 ± 2.6 and 24.2 ± 3.6 x 25.4 ± 3.85, respectively) between the control and cysteine group. It is known that the motility is highly correlated with fertility so these results suggest that the addition of 2.5 mM of cysteine in the frozen extender medium before cryopreservation increases the seminal quality of "bad freezer" stallions.
Palavras-chave: Antioxidantes
Congelabilidade
Equino
Mangalarga marchador
Sêmen
Antioxidants
Equine
Freezability
País: Brasil
Unidade acadêmica: Escola de Veterinária e Zootecnia - EVZ (RG)
Citação: FRANCISCO JÚNIOR, A.; OLIVEIRA, R. A.; OLIVEIRA, F.; OLIVEIRA FILHO, B. D.; GAMBARINI, M. L. Cisteína como antioxidante para a criopreservação de sêmen de garanhões considerado de baixa congelabilidade. Revista Brasileira de Reprodução Animal, Belo Horizonte, v. 39, n. 2, p. 301-306, abr./jun. 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/18852
Data de publicação: Jun-2015
Aparece nas coleções:EVZ - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Arthur Francisco Júnior - 2015.pdf258,43 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons