Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/4091
Tipo do documento: Artigo
Título: Inoculação de maltose e/ou sacarose em ovos leves embrionados
Título(s) alternativo(s): Effect of maltose and sucrose supplementation on embryonic light eggs
Autor: Leitão, Rodrigo Afonso
Leandro, Nadja Susana Mogyca
Stringhini, José Henrique
Café, Marcos Barcellos
Matos, Maíra Silva
Andrade, Maria Auxiliadora
Primeiro orientador: Stringhini, José Henrique
Resumo: Foram estudados os parâmetros de incubação, maturidade gastrintestinal e desempenho até 14 dias de pintos de corte oriundos de ovos leves (55,82 ± 1,64g) inoculados com maltose e/ou sacarose, aos 16 dias de incubação. Os tratamentos compreenderam ovos íntegros e ovos suplementados com 0,6 mL de solução de maltose 68 g/L; com maltose 136 g/L; com maltose 204 g/L; com maltose e sacarose (68 g/L + 68 g/L). O delineamento utilizado foi em blocos casualizados com cinco tratamentos e 120 repetições, sendo um ovo a unidade experimental e para desempenho seis repetições e dez aves por parcela. Os dados foram submetidos ao proc glm do SAS e ao teste de Tukey (P<0,05). A inoculação de carboidratos aumentou os períodos requeridos para bicagem da membrana interna, da casca e para eclosão As suplementações com maltose ou maltose+sacarose não interferiram na eclodibilidade e no peso do neonato. O nível de 68g/L de maltose proporcionou maior altura de vilo no primeiro dia de vida, entretanto, esse efeito não foi observado com 10 dias de idade. O nível de 204g/L prejudicou o desenvolvimento gastrintestinal de pintos. Ovos leves inoculados com maltose combinada ou não com sacarose não resultam em pintos com maior desempenho na fase inicial.
Abstract: Hatchery parameters, performance of chicks on initial phase (until 14 days) and intestinal maturity of birds from light eggs supplemented with maltose and sucrose were studied. The treatments were as follows: eggs without supplementation; eggs with 0.6 mL of maltose solution (68 g/L); eggs with 0.6mL of maltose solution (136 g/L); eggs with 0.6 mL of maltose solution (204 g/L); and eggs with 0.6 mL of maltose solution (68 g/L) and sucrose (68 g/mL). The supplementation took place on the 16th day of incubation. The experimental design used was randomized blocks with five treatments and 120 replicates and as for performance we used randomized blocks with four treatments and six replicates and ten birds in each experimental unit. The supplementation did not affect eclodibility, chick weight, and intestinal development of light chicks. Simple or combined maltose egg supplementation did not bring benefits to initial performance of birds
Palavras-chave: Alimentação in ovo
Histomorfometria
Incubação
Matrizes jovens
Pintos leves
País: brasil
Instituição: José Henrique Stringhini
Sigla da instituição: UFG
Unidade acadêmica: Escola de Veterinária e Zootecnia - EVZ (RG)
Programa: Programa de Pós graduação em Cienciai Animal
Citação: LEITÃO, Rodrigo Afonso; LEANDRO, Nadja Susana Mogyca; STRINGHINI, José Henrique; CAFÉ, Marcos Barcellos; MATOS, Maíra Silva; ANDRADE, Maria Auxiliadora. Inoculação de maltose e/ou sacarose em ovos leves embrionados. Ciência Animal Brasileira, Goiânia, v. 15, n. 1, 2015. Disponível em: < http://www.revistas.ufg.br/index.php/vet/article/view/13974/16220>.
Tipo de acesso: Acesso aberto
Identificador do documento: DOI:10.5216/cab.v15i1.13974
Endereço da licença: An error occurred getting the license - uri.
Identificador do documento: DOI:10.5216/cab.v15i1.13974
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/4091
Data de publicação: Mar-2014
Aparece nas coleções:EVZ - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
INOCULAÇÃO DE MALTOSE EOU SACAROSE EM OVOS LEVES.pdf187,48 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.