Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/92
Tipo do documento: Artigo publicado em periódico científico
Título: Mastocitoma canino: estudo retrospectivo
Título(s) alternativo(s): Mast cell tumor in dogs: retrospective study
Autor: Silva, Luiz Antônio Franco da
Abstract: Este estudo retrospectivo incluiu um total de 49 cães, 28 machos e 21 fêmeas, de diversas raças, entre dois e 17 anos de idade. A maioria dos cães acometidos era mestiça ou da raça Boxer e Teckel, com idade entre seis e nove anos. Onze animais apresentaram mastocitoma grau I, 10 grau II e nove grau III. Na maioria dos casos, empreitou-se apenas a intervenção cirúrgica ou esta associada à quimioterapia. Conclui-se que a intervenção cirúrgica isolada, utilizada em casos de prognóstico favorável, proporciona maior sobrevida. Cães das raças Teckel e Boxer apresentam sobrevida maior. Cães acometidos em múltiplas regiões do corpo apresentam menor sobrevida. A incidência dos graus histológicos do mastocitoma canino se dá de forma semelhante, porém tende a decrescer do grau I ao III. Mastocitomas de grau elevado estão associados à menor sobrevida. A citologia aspirativa permite o diagnóstico preciso do mastocitoma canino, porém a histopatologia faz-se imperativa para a determinação do grau histológico e delineamento adequado do tratamento. A quimioterapia incompleta ou a ausência de tratamento apresentam resultados pouco alentadores. Na maioria dos casos de mastocitoma, atendidos neste estudo, o tempo de sobrevida foi baixo. _______________________________________________________________________________________________________________________ ABSTRACT _______________________________________________________________________________________________________________________ This retrospective study included 49 dogs, 28 males and 21 females, of several breeds, between two and 17 years old. The majority of dogs were mixed breed or Boxers and Teckels, six to nine years old. Eleven animals showed grade I mast cell tumor, 10 grade II and nine grade III. Surgery alone or associated with chemotherapy were performed in the most of cases. The results from our study indicate that surgery alone promotes the highest survival time because surgery procedure is indicated in cases with better prognosis. Teckels and Boxers show highest survival time. Dogs with multiple lesions have lowest survival time. The histologic grades of mast cell tumors have similar incidence, however the incidence tends to decrease from grade I to III. Highgrade tumors promote lowest survival time. Fine needle aspiration cytology allow accurate diagnosis of canine mast cell tumors, although the histopathology is required to determine the histologic grade allowing an adequate treatment and so a highest survival time. Both incomplete chemotherapy and untreated groups have poor prognosis. In the most of cases the survival time is low.
Unidade acadêmica: Escola de Veterinária e Zootecnia - EVZ (RG)
Citação: SILVA, Luiz Antônio Franco da. Mastocitoma canino: estudo retrospectivo. Ciência Animal Brasileira, Goiânia, v. 9, n. 1, 2008. Disponível em: <http://www.revistas.ufg.br/index.php/vet/article/view/1060/3453>.
Tipo de acesso: Open Access
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/92
Data de publicação: 19-Set-2007
Aparece nas coleções:EVZ - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
mastot_canin_est.pdf250,61 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons