Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/4974
Tipo do documento: Tese
Título: O impacto do planejamento estratégico na elaboração e implementação do plano de gerenciamento de resíduos de serviços de saúde na atenção básica
Título(s) alternativo(s): The strategic planning impact in the prepare and implementation of medical waste management plan in primary health care
Autor: Alves, Sergiane Bisinoto
Currículo Lattes do Autor: http://lattes.cnpq.br/6917367052740128
Primeiro orientador: Souza, Adenícia Custódia Silva e
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://lattes.cnpq.br/5966034868102264
Primeiro coorientador: Tipple, Anaclara Ferreira Veiga
Primeiro membro da banca: Souza, Adenícia Custódia Silva e
Segundo membro da banca: Takayanagui, Angela Maria Magosso
Terceiro membro da banca: Pereira, Milca Severino
Quarto membro da banca: Rosso, Claci Fátima Weirich
Quinto membro da banca: Prado, Marinésia Aparecida do
Resumo: O manejo de resíduos ainda se mostra deficiente em vários estabelecimentos de saúde. Naqueles de pequeno porte, como as unidades de saúde da atenção básica, essa questão é ainda maior. Importante também destacar a destinação dada aos resíduos de serviços de saúde gerados por profissionais e usuários nos domicílios. Diante da expansão no número e especificidades dos estabelecimentos de saúde da atenção básica, dos riscos ocupacionais, ambientais e sociais representados pelos resíduos gerados nesses ambientes, se não gerenciados adequadamente, intervenções nessas realidades se mostram necessárias e urgentes. Assim, objetivou-se verificar a existência de plano de gerenciamento de resíduos e as condutas adotadas pelos profissionais de saúde da atenção básica sobre o manejo de resíduos perfurocortantes gerados por usuários de insulina nos domicílios e avaliar o impacto da implementação de um plano de gerenciamento de resíduos de serviços de saúde na atenção básica. Trata-se de um estudo comparativo e de intervenção, do tipo antes e após, realizado em uma unidade não hospitalar de atendimento as urgências e emergências e também em uma unidade de atenção básica à saúde da família, no período de 2011 a 2014. A intervenção realizada consistiu em: elaboração e implementação de um plano de gerenciamento de resíduos de serviços de saúde utilizando como ferramenta o planejamento estratégico situacional, atividades educativas e ilustrativas para conscientização dos profissionais e usuários e educação permanente multimodal coletiva e individualizada destinadas aos profissionais das duas unidades. Um ano após a intervenção, todos os resíduos gerados durante uma semana em cada unidade de saúde foram pesados e analisados quanto à segregação. Os valores obtidos foram comparados aos encontrados na etapa pré-intervenção (Alves, 2010), em que foi realizado o mesmo diagnóstico nessas unidades, utilizando metodologia idêntica para quantificação e análise da segregação. Os resultados mostram que a elaboração e implementação do plano de gerenciamento de resíduos, utilizando o planejamento estratégico situacional, reduziram a geração de resíduos e as inadequações encontradas em relação à segregação dos resíduos de serviços de saúde nas duas unidades estudadas. Observou-se também que não há um plano de gerenciamento que contemple o manejo dos resíduos perfurocortantes gerados pelos usuários nos domicílios e que esse manejo, não está assimilado na prática profissional, nem nos procedimentos institucionais. A intervenção proposta mostrou-se de fácil aplicabilidade e possibilitou o envolvimento de todos os profissionais e dos gestores na elaboração e implementação do plano. Os profissionais e gestores participaram ativamente desde o diagnóstico situacional do manejo de resíduos de serviços de saúde, discussão de alternativas para solucionar os problemas elencados até a tomada de decisão, resultando em um comprometimento coletivo para implementação do plano de gerenciamento de resíduos de serviços de saúde.
Abstract: The waste management is still deficient in many healthcare services. Those healthcare services smaller, as the primary healthcare offices, this problem becomes greater. Also important the destination for healthcare waste management generated by professionals and users in households. Faced with the expansion of the number and specificities of units in primary healthcare of occupational, environmental and social risks represent by healthcare waste generated in these environments, if not correctly managed, interventions in these realities are necessary and urgent. The objective was to evaluate the impact of the implementation of a healthcare waste management plan in primary healthcare unit and to check the approaches adopted by healthcare workers on the management of piercing and cutting waste generated by insulin users at households. This is a comparative and intervention study, pre and post, in a non-hospital unit to emergency care and also in a family healthcare unit, in the period from 2011 to 2014. The intervention performed consisted of: design and implementation of healthcare waste management plan using the situational strategic planning, educational and illustrative activities for users and multimodal permanent education, collective and individualized, for professionals for both healthcare units. A year after the intervention, all waste generated during a week in each healthcare unit were weighed and analyzed about the segregation. The values obtained were compared to those in the pre-intervention phase (Alves, 2010) that made the diagnosis in the same units and used the same methodology for the quantification and segregation analysis of the healthcare waste. The results show that the development and implementation of the waste management plan, using the situational strategic planning reduced healthcare waste generation and the inadequacies found about segregation in both units studied. It was also observed that there isn´t a management plan about management of piercing and cutting waste generated by users in households and that management is not assimilated in professional practice or in institutional procedures. The proposed intervention proved to be easy to apply and to involve all professionals and managers in prepare and implementation of a healthcare waste management plan in primary healthcare unit. The professionals and managers actively participated since the diagnosis of the healthcare waste management situation, discussion of alternatives to solve the problems listed until the decision making, resulting in a collective commitment to implement the healthcare waste management plan of healthcare services.
Palavras-chave: Gerenciamento de resíduos
Resíduos de serviços de saúde
Atenção primária à saúde
Enfermagem
Planejamento em saúde
Saúde pública
Saúde ambiental
Waste management
Medical waste
Primary health care
Nursing
Health planning
Public health
Environmental health
Área(s) do CNPq: CIENCIAS DA SAUDE::ENFERMAGEM
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Faculdade de Enfermagem - FEN (RG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Enfermagem (FEN)
Citação: ALVES, S. B. O impacto do planejamento estratégico na elaboração e implementação do plano de gerenciamento de resíduos de serviços de saúde na atenção básica. 2015. 281 f. Tese (Doutorado em Enfermagem) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/4974
Data de defesa: 13-Mar-2015
Aparece nas coleções:Doutorado em Enfermagem (FEN)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Tese - Sergiane Bisinoto Alves - 2015.pdf5,11 MBAdobe PDFBaixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons