Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/6032
Tipo do documento: Dissertação
Título: Atenção básica em saúde bucal em Goiás
Título(s) alternativo(s): Oral health in primary care in the state of Goiás
Autor: Nascimento, Renata do
Primeiro orientador: Souza, Marta Rovery de
Primeiro membro da banca: Souza, Marta Rovery de
Segundo membro da banca: Pereira, Edsaura Maria
Terceiro membro da banca: Mohn Neto, Carlos Rodolfo
Resumo: Introdução: a partir da criação e implantação da Política Nacional de Saúde Bucal, em 2004, houve uma notória ampliação do acesso à assistência odontológica pública. Entretanto, ainda são grandes os desafios para a melhoria do acesso e da qualidade aos serviços odontológicos. Objetivo: descrever a organização da atenção básica em saúde bucal em Goiás, em 2012. Metodologia: trata-se de um estudo descritivo que analisou os dados secundários extraídos do banco do componente da avaliação externa do Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica (PMAQ-AB), 1º ciclo, entre setembro e outubro de 2012. A amostra foi constituída por 540 Equipes de Saúde Bucal (eSB) que responderam ao questionário do PMAQ-AB, localizadas em 174 municípios e distribuídas nas 17 Regiões de Saúde (RS). Resultados: entre as eSB, 42% realizaram o agendamento da população em qualquer dia e horário; mais de 80% realizaram todos os procedimentos odontológicos; 96,6% afirmaram que existe acolhimento às demandas espontâneas; 54% relataram que existe um Centro de Especialidades Odontológicas (CEO) de referência para o encaminhamento da população que necessita desse atendimento. Os maiores percentuais de eSB que afirmaram ter um CEO de referência estavam nas RS Entorno Sul (96,6%), Serra da Mesa (92,3%) e Sudoeste II (81,0%). Nenhuma equipe das RS Nordeste I e Nordeste II possuíam CEO de referência. Na RS Rio Vermelho, 90,9% das eSB afirmaram não terem um CEO para referência, o mesmo ocorreu na RS Estrada de Ferro em que 85,2% das equipes não têm para onde encaminhar os pacientes que necessitavam de atendimento nas especialidades odontológicas. Considerações Finais: a Rede de Atenção à Saúde Bucal no estado de Goiás ainda é incipiente. O desafio futuro é a consolidação de uma Rede de Atenção à Saúde Bucal regionalizada, onde a atenção primária exerça o papel de coordenadora da atenção.
Abstract: Introduction: from the creation and implementation of the National Oral Health Policy in 2004, there has been a noticeable increase in access to public dental care. However, there are still major challenges to improving access and quality to dental services. Objective: To describe the organization of basic dental care in Goiás in 2012. Methodology: this is a descriptive study that analyzed the secondary data extracted from external evaluation component of the bank's National Program for Improving Access and Primary Care Quality (PMAQ-AB), first cycle, between September and October 2012. The sample consisted of 540 oral health teams (eSB) that responded to the questionnaire PMAQ-AB, located in 174 municipalities and distributed in 17 health regions (RS). Results: among the eSB, 42% conducted the scheduling of the population on any given day and time; over 80% conducted all dental procedures; 96.6% said that there is reception to spontaneous demands; 54% reported that there is a Dental Speciality Center of reference for the routing of the population in need of such care. The highest percentages of eSB which claimed to have a reference CEO were in the RS Environs South (96.6%), Serra da Mesa (92.3%) and Southwest II (81%). No team of RS Northeast I and II Northeast had CEO to reference. In the RS Red River, 90.9% of eSB affirmed not have a CEO for reference, the same occurred in the RS Railway in which 85.2% of the teams have nowhere to refer patients in need of care in dental specialties. Final Considerations: The Oral Health Care Network of the state of Goiás is still incipient. The future challenge is the consolidation of a regionalized Oral Health Care Network, where primary care is the major focus of attention.
Palavras-chave: Saúde bucal
Atenção primária à saúde
Acesso aos serviços de saúde
Integralidade em saúde
Oral health
Primary health care
Health services accessibility
Integrality in health
Área(s) do CNPq: SAUDE COLETIVA::SAUDE PUBLICA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Pró-Reitoria de Pós-graduação (PRPG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Saúde Coletiva (PRPG)
Citação: NASCIMENTO, R. Atenção básica em saúde bucal em Goiás. 2016. 61 f. Dissertação (Mestrado Profissional em Saúde Coletiva) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/6032
Data de defesa: 31-Mai-2016
Aparece nas coleções:Mestrado Profissional em Saúde Coletiva (PRPG)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Renata do Nascimento - 2016.pdf1,33 MBAdobe PDFBaixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons