Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/14119
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorSantos, Nivaldo dos-
dc.creatorMartins, Leonardo Pereira-
dc.creatorCampos, Lidiany Mendes-
dc.date.accessioned2018-03-22T11:36:44Z-
dc.date.available2018-03-22T11:36:44Z-
dc.date.issued2000-12-
dc.identifier.citationSANTOS, Nivaldo dos; MARTINS, Leonardo Pereira; CAMPOS, Lidiany Mendes. Matrizes dos mecanismos impeditivos do acesso à justiça. Revista da Faculdade de Direito da UFG, Goiânia, v. 21, n. 1, p. 73-86, jan./dez. 1999/00. Disponível em: <https://www.revistas.ufg.br/revfd/article/view/12007>.pt_BR
dc.identifier.issne- 0101-7187-
dc.identifier.urihttp://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/14119-
dc.description.sponsorshipUFGpt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.publisherLicínio Leal Barbosapt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectMecanismos impeditivospt_BR
dc.subjectEstadopt_BR
dc.subjectJustiça socialpt_BR
dc.subjectAcesso à justiçapt_BR
dc.titleMatrizes dos mecanismos impeditivos do acesso à justiçapt_BR
dc.typeArtigopt_BR
dc.description.resumoO trabalho presente intenta a apresentação dos principais mecanismos pelos quais se tem dado o obstaculamento do acesso à justiça, seja em nível adminiatrativo, judicial ou mesmo paraesraral. Foi dividido em dois blocos principais: o dos obsdculos genéricos e o dos obstáculos que mais interessam a uma leitura estrita da expressão "acesso à justiça" (significando acesso ao Judiciário). As técnicas utilizadas foram a documenta­ção indireta, que inclui pesquisa bibliográfica e documental, e a documentação direta: observação direta intensiva, não-participante, das rotinas de fóruns e de outros órgãos ligados ao acesso. É curial que se reconheçam os principais entraves à consecução da justiça antes de proceder-se ao enfrentamento definitivo do problema. Identificados tais entraves, resta enfatizá-los nessa condição. A sutileza e o ambiente em que se apresentam já dificultam a imediara percepção do problema e, cm geral, inviabilizam posicionamentos tendentes ao reequilíbrio da relação jurídica afetada. Nisso reside a importância da investigação aqui empreendida.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.initialsUFGpt_BR
dc.identifier.doi10.5216/rfd.v23i1.12007-
dc.publisher.departmentFaculdade de Direito - FD (RG)pt_BR
Aparece nas coleções:FD - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Nivaldo dos Santos - 1999/00.pdf358,38 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons