Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/14853
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorAraújo, Fernando Godinho de-
dc.creatorBarbosa, Kássia Aparecida Garcia-
dc.creatorSantos, Leonardo de Castro-
dc.creatorTeixeira, Renato Andrade-
dc.creatorRocha, Mara Rúbia da-
dc.date.accessioned2018-05-10T13:53:49Z-
dc.date.available2018-05-10T13:53:49Z-
dc.date.issued2015-
dc.identifier.citationARAÚJO, Fernando Godinho de; BARBOSA, Kássia Aparecida Garcia; SANTOS, Leonardo de Castro; TEIXEIRA, Renato Andrade; ROCHA, Mara Rubia da. Comparação entre técnicas de coloração de raízes de soja infectadas por Heterodera glycines, Meloidogyne incognita e Pratylenchus brachyurus. Multi-Science Journal, Urutaí, v. 1, n. 1, p. 100-105, 2015.pt_BR
dc.identifier.issn2359-6902-
dc.identifier.urihttp://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/14853-
dc.description.abstractExperiment was conducted in a greenhouse with the purpose to evaluate the effectiveness of two root staining techniques on soybean cultivar Emgopa 313, infected by the three main nematodes of the crop: Heterodera glycines, Meloidogyne incognita and Pratylenchus brachyurus. Three evaluations were performed at 10, 17 and 25 days after planting in naturally infested soil. The technique using bleaching with NaOCl and acid fuccin and the technique that employs lacto-glycerol and acid fuccin were both effective in staining nematodes, allowing its observation in the root tissue. Because of longer duration of the life cycle of P. brachyurus it was not possible to view these nematodes in root the tissue at the first evaluation using the technique of bleaching and staining with acid fuccin, and at the second evaluation using both techniques. For young tissues the technique that employs bleaching is more indicated to facilitate the nematode observation, since it uses less stain which helps the process of discoloration.pt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectGlicine maxpt_BR
dc.subjectnematóide de cisto da sojapt_BR
dc.subjectnematóide de galhaspt_BR
dc.subjectnematóide das lesões radicularespt_BR
dc.subjectGlicine maxpt_BR
dc.subjectroot-knot nematodept_BR
dc.subjectsoybean cyst nematodept_BR
dc.subjectlesion nematodept_BR
dc.titleComparação entre técnicas de coloração de raízes de soja infectadas por Heterodera glycines, Meloidogyne incognita e Pratylenchus brachyuruspt_BR
dc.title.alternativeComparison of staining methods of root of infested soybean by Heterodera glycines, Meloidogyne incognita and Pratylenchus brachyuruspt_BR
dc.typeArtigopt_BR
dc.description.resumoConduziu-se experimento em casa de vegetação para avaliar a eficiência de duas técnicas de coloração de raízes de soja cultivar Emgopa 313, infectadas pelos três principais fitonematóides que afetam a cultura: Heterodera glycines, Meloidogyne incognita e Pratylenchus brachyurus. Foram realizadas três avaliações aos 10, 17 e 25 dias após o plantio da soja em solo naturalmente infestado, com os nematóides avaliados. A técnica empregando clareamento com NaOCl e fucsina ácida e a técnica que emprega lacto-glicerol e fucsina ácida foram eficientes na coloração dos nematóides, permitindo a sua visualização no interior do tecido radicular. Em função da duração do ciclo de vida do P. brachyurus não foi possível a visualização desses nematóides nos tecidos radiculares na primeira avaliação empregando a técnica do clareamento e coloração com fucsina ácida, e na segunda avaliação, em ambas as técnicas testadas. Para tecidos mais tenros a técnica que emprega o clareamento seria a mais indicada por facilitar a visualização dos nematóides, já que os tecidos sofrem certa descoloração, e por utilizar uma menor quantidade de corante, o que auxilia no processo de descoloração.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentEscola de Agronomia - EA (RG)pt_BR
Aparece nas coleções:EA - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Fernando Godinho de Araújo - 2015.pdf1,22 MBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons