Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/17876
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorSilva Júnior, José Davison da-
dc.creatorSá, Leomara Craveiro de-
dc.creatorBachion, Maria Márcia-
dc.date.accessioned2019-08-08T13:33:23Z-
dc.date.available2019-08-08T13:33:23Z-
dc.date.issued2009-
dc.identifier.citationSILVA JÚNIOR, José Davison da; SÁ, Leomara Craveiro de; BACHION, Maria Márcia. Interfaces entre a musicoterapia e bioética. Revista Brasileira de Musicoterapia, Brasília, DF, v. 11, n. 9, p. 28-41, 2009.pt_BR
dc.identifier.issne- 2316-994x-
dc.identifier.urihttp://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/17876-
dc.description.abstractThis article comes from a research conducted at the Music Post Graduate Program in the Federal University of Goias. Based on the discussions on the principles of nonmaleficence and beneficence, it proposes approaches of Music Therapy with Bioethics focusing principlism. As result of this study, was presented and discussed the term “music therapeutic error”, aiming to point out elements that should be considered by the professional music therapist in order to prevent musical experiences become iatrogenic in the clinical of Music Therapy.pt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectMusicoterapiapt_BR
dc.subjectBioéticapt_BR
dc.subjectPrincipialismopt_BR
dc.subjectLatrogeniapt_BR
dc.subjectMusic therapypt_BR
dc.subjectBioethicspt_BR
dc.subjectPrinciplismpt_BR
dc.subjectLatrogenypt_BR
dc.titleInterfaces entre musicoterapia e bioéticapt_BR
dc.typeArtigopt_BR
dc.description.resumoEste artigo origina-se de uma pesquisa desenvolvida no Programa de Pós-Graduação em Música da Universidade Federal de Goiás. Com base nas discussões sobre os princípios da nãomaleficência e beneficência, propõem-se aproximações da Musicoterapia com a Bioética, focalizando o principialismo. Em decorrência desse estudo, foi apresentado e discutido o termo “erro musicoterápico”, objetivando-se apontar elementos que devem ser considerados pelo profissional musicoterapeuta, no sentido de se evitar que experiências musicais tornem-se iatrogênicas no contexto clínico musicoterápico.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentFaculdade de Enfermagem - FEN (RG)pt_BR
Aparece nas coleções:FEN - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - José Davison da Silva Júnior - 2009.pdf66,27 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons