Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/9132
Tipo do documento: Dissertação
Título: Políticas de comunicação no contexto das mídias sociais: um estudo nas bibliotecas centrais das universidades federais do Centro-Oeste
Título(s) alternativo(s): Communication policies in the context of social media: a study in the central libraries of the federal universities of the Center- West
Autor: Abreu, Karol Almeida da Silva
Currículo Lattes do Autor: http://lattes.cnpq.br/2411558194290265
Primeiro orientador: Santos, Andréa Pereira dos
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://lattes.cnpq.br/9315618025567235
Primeiro membro da banca: Santos, Andréa Pereira dos
Segundo membro da banca: Gomes, Suely Henrique de Aquino
Terceiro membro da banca: Fujino, Asa
Resumo: Estudou-se a política de comunicação no contexto das mídias sociais em bibliotecas universitárias do Centro-Oeste, mais especificamente em cinco bibliotecas centrais da região, integrantes das seguintes universidades: UFG, UFGD, UFMS, UFMT e UnB. A pesquisa possui como objetivo geral traçar o panorama das ações de comunicação, formalizadas ou não, por meio de uma política de comunicação, assim como os canais utilizados pelas bibliotecas centrais das Universidades Federais do Centro-Oeste para comunicação com seus públicos. E como objetivos específicos: verificar a existência de políticas que contemplem ações de comunicação das bibliotecas centrais das Universidades Federais do Centro-Oeste, direcionadas ao uso das mídias sociais; conhecer as ações e canais de comunicação utilizados pelas bibliotecas (O que usam? Por quê? Como usam? Para quais públicos?); identificar a concepção de públicos na perspectiva do gestor de comunicação das bibliotecas; identificar problemas e desafios para implantação e manutenção das mídias sociais para comunicação com seus públicos; verificar competências e adequações necessárias ao gestor de comunicação das bibliotecas centrais das Universidades Federais do Centro-Oeste. Para atingir os objetivos propostos a pesquisa se classifica como qualitativa e foi constituída por três etapas: panorama teórico de referência (fundamentação teórica); coleta de dados por meio do envio de questionários aos gestores e/ou responsáveis pela comunicação nas bibliotecas escolhidas para o estudo ou, na inexistência destes profissionais, foi enviado ao coordenador e/ou diretor da biblioteca. Por fim, foi realizada a observação sistemática nos sites das bibliotecas do estudo e na mídia social mais utilizada pelas bibliotecas. A fundamentação teórica da pesquisa é constituída pela abordagem sobre política de comunicação, sociedade em rede e bibliotecas universitárias. Os resultados da pesquisa trouxeram informações reveladoras, nas quais os gestores reconhecem a importância das mídias sociais para a comunicação com seus públicos, contudo ocorre a inexistência de políticas de comunicação nas bibliotecas do estudo. A maioria das bibliotecas participantes do estudo utiliza as mídias sociais para comunicação com seus públicos, com predominância do Facebook, seguida pelo Instagram. Apesar de não possuírem políticas de comunicação, há duas bibliotecas que se destacam em relação à Comunicação com seus públicos. A biblioteca central da UnB possui uma Comissão Permanente de Comunicação em Mídias Sociais e obteve maior engajamento no Facebook, com maior quantidade de curtidas, comentários e compartilhamentos no ano de 2017, quando comparada com as demais páginas das bibliotecas estudadas. E a biblioteca central da UFG, que é a única biblioteca a possuir um departamento próprio de comunicação, denominado Assessoria de Comunicação. Eles possuem um plano de comunicação, que formaliza as principais atividades de comunicação. A pesquisa revelou que as bibliotecas estudadas não possuem uma política de comunicação formalizada, porém possuem ações comunicativas.
Abstract: It study the communication policy in the context of social media in university libraries of the Center-West, specifically in five central libraries of the region, members of the following universities: UFG, UFGD, UFMS, UFMT and UnB. The research has as general objective to outline the communication actions, formalized or not, through a communication policy, as well as the channels used by the central libraries of the Federal Universities of the Central West to communicate with their public. And as specific objectives: to verify the existence of policies that contemplate actions of communication of the central libraries of the Federal Universities of the Center-West, directed to the use of social media; know the actions and channels of communication used by libraries (What they use? identify the design of audiences from the perspective of the library communications manager; identify problems and challenges for the implantation and maintenance of social media for communication with its public; to verify competences and necessary adaptations to the communication manager of the central libraries of the Federal Universities of the Center-West. To achieve the proposed objectives, the research is classified as qualitative and was constituted by three stages: theoretical reference scenario (theoretical foundation); collection of data through the sending of questionnaires to the managers and / or those responsible for communication in the libraries chosen for the study or, in the absence of these professionals, was sent to the coordinator and / or director of the library. Finally, a systematic observation was made on the sites of the study libraries and the social media most used by libraries. The theoretical basis of the research is constituted by the approach on communication policy, society in network and university libraries. The results of the research brought revealing information, in which managers recognize the importance of social media for communication with their public, but there is no communication policy in the study libraries. Most of the libraries participating in the study use social media to communicate with their audiences, predominantly Facebook, followed by Instagram. Although they do not have communication policies, there are two libraries that stand out in relation to Communication with their publics. The UnB Central Library has a Standing Commission on Social Media Communication and has achieved greater engagement in Facebook, with more tastings, comments and shares in the year 2017, when compared with the other pages of the libraries studied. And the central library of the UFG, which is the only library to have its own communication department, called Communication Office. They have a communication plan that formalizes the main communication activities. The research revealed that the libraries studied do not have a formalized communication policy, but they have communicative actions.
Palavras-chave: Política de comunicação
Bibliotecas universitárias
Mídias sociais
Facebook
Communication policy
University libraries
Social media
Área(s) do CNPq: CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::COMUNICACAO
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Faculdade de Informação e Comunicação - FIC (RG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Comunicação (FIC)
Citação: ABREU, K. A. S. Políticas de comunicação no contexto das mídias sociais: um estudo nas bibliotecas centrais das universidades federais do Centro-Oeste. 2018. 172 f. Dissertação (Mestrado em Comunicação) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2018.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/9132
Data de defesa: 22-Nov-2018
Aparece nas coleções:Mestrado em Comunicação (FIC)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Karol Almeida da Silva Abreu - 2018.pdf2,68 MBAdobe PDFBaixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons