Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/4366
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.advisor1Gouveia, José Vanderley-
dc.creatorFernandes, Jaqueline Moraes-
dc.date.accessioned2014-11-11T20:32:29Z-
dc.date.available2014-11-11T20:32:29Z-
dc.date.issued2008-
dc.identifier.citationFERNANDES, Jaqueline Moraes. Contando historias na brinquedoteca escolar: uma proposta de incentivo a leitura na educação infantil. 2008. 45 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Faculdade de Informação e Comunicação, Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2008.pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/4366-
dc.language.isoporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal de Goiaspt_BR
dc.rightsAcesso abertopt_BR
dc.subjectLeiturapt_BR
dc.subjectFormação do leitorpt_BR
dc.subjectIncentivo a leiturapt_BR
dc.subjectContação de históriaspt_BR
dc.subjectBrinquedoteca escolarpt_BR
dc.subjectEducação infantilpt_BR
dc.titleContando historias na brinquedoteca escolar: uma proposta de incentivo a leitura na educação infantilpt_BR
dc.typeMonografiapt_BR
dc.description.resumoA prática de contação de histórias é considerada uma das atividades fundamentais para o desenvolvimento da criança e um grande incentivo para que este se interesse pelo livro e pela leitura. Nesta perspectiva, sem sombra de dúvidas, é muito significativo o papel do bibliotecário enquanto “contador de histórias”, em especial na Educação Infantil, onde os incentivos devem começar. Saindo da tradicional biblioteca, buscou-se inserir esta atividade de incentivo à leitura em uma brinquedoteca escolar, espaço onde a ludicidade é a principal aliada. A partir desta pesquisa, buscou-se responder a seguinte questão: É possível transformar a brinquedoteca em um local de leitura? Para tal, elaborou-se uma atividade de contação de histórias na brinquedoteca escolar da Educação Infantil do Colégio Marista de Goiânia, que desde então, era destinado somente a brincadeiras. Juntamente com esta atividade, propôs-se incentivar a organização do espaço, já que o local não possui um funcionário responsável pela sua organização, ficando a cargo de quem a utiliza também mantê-la. Para análise dos dados, aplicou-se uma ficha de avaliação às professoras buscando examinar o andamento da atividade e também utilizou-se um caderno de registro das atividades realizadas. Neste há uma descrição da atividade, contendo também observações da turma e/ou atividade. Entre as conclusões, vale destacar: professoras acreditam que a contação de histórias levam ao hábito de leitura; a atividade atingiu os objetivos quanto à leitura e organização do espaço; as crianças reconhecem a brinquedoteca como uma local de leitura. Eis um novo local onde o bibliotecário deve trabalhar juntamente com o pedagógico, visando formar futuros leitores. Cabe a este usar de toda criatividade para atingir os objetivos a serem alcançados.pt_BR
dc.publisher.countrybrasilpt_BR
dc.publisher.initialsUFGpt_BR
dc.contributor.referee1Gouveia, José Vanderley-
dc.contributor.referee1Macedo, Murillo de Melo-
dc.publisher.departmentFaculdade de Informação e Comunicação (RG)pt_BR
dc.publisher.courseBiblioteconomia (RG)pt_BR
Aparece nas coleções:FIC - Trabalhos de Conclusão de Curso

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TCCG - BIBLIOTECONOMIA-JAQUELINE MORAES FERNANDES.PDF1,51 MBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.