Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/8398
Tipo do documento: Dissertação
Título: Gênero e a formação de psicólogas/os em Goiás: problematizando (in)visibilidades e reflexos no ensino acadêmico
Título(s) alternativo(s): Gender and psychologists formation in Goiás: problematizing (in) visibilities and reflexes in academic teaching
Autor: Assis, Marcelo Marques
Currículo Lattes do Autor: http://lattes.cnpq.br/5896291590545543
Primeiro orientador: Souza, Tatiana Machiavelli Carmo
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://lattes.cnpq.br/3120018580121934
Primeiro membro da banca: Souza, Tatiana Machiavelli Carmo
Segundo membro da banca: Nassif, Ana Cristina
Terceiro membro da banca: Toassa, Gisele
Resumo: Neste estudo, investigamos como os discursos sobre gênero se inserem ao processo de formação em Psicologia, na cidade de Goiânia/GO. Assumimos o gênero como um elemento que constitui e organiza as relações sociais, por meio de práticas discursivas que se inter-relacionam em um momento histórico, social, cultural e político. Reconhecemos a formação enquanto processos que consideram o ser humano como sujeito do seu próprio desenvolvimento, construídos a partir das relações sociais. Trata-se de pesquisa qualitativa, situada teoricamente na interface entre os estudos de gênero e as epistemologias feministas, vinculadas ao pós-estruturalismo. Para alcançarmos nossos objetivos, realizamos uma pesquisa documental e uma pesquisa de campo, desenvolvidas em duas instituições de ensino superior em Goiânia. O corpus da pesquisa documental, foi composto pelas Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN) para os Cursos de Psicologia e pelos Projetos Pedagógicos dos Cursos de Psicologia (PPC) das instituições estudadas, e a pesquisa de campo, desenvolvida a partir da realização de entrevistas semidirigidas com cinco professores/as do Núcleo Docente Estruturante (NDE) dos cursos. Adotamos a Análise de Discurso para a verificação das informações construídas nas pesquisas. Os resultados da pesquisa documental evidenciaram a invisibilidade dos discursos sobre gênero nas DCN e a sua ínfima presença nos PPC de ambas as instituições estudadas. Na pesquisa de campo, os/as participantes reconheceram a importância da inserção dos estudos de gênero à formação em psicologia, ressaltando a necessidade de os cursos promoverem, seja em disciplina específica ou de modo transversal às demais disciplinas, espaços que contemplem discussões sobre a temática, vista como parte das competências e habilidades dos/as psicólogos/as. Esperamos que esta pesquisa contribua para o desenvolvimento de projetos de formação em psicologia, comprometidos com a superação de práticas psicológicas que (re)produzem a patologização, opressão e discriminação de gênero. É preciso que psicólogos/as se tornem agentes engajados/as em políticas de transformação da sociedade, entre as quais evidenciamos as questões de gênero.
Abstract: In this study, we investigated how gender discourses are part of the process in Psychology formation, in Goiânia / GO. We assume gender as an element that constitutes and organizes social relations, through discursive practices that interrelate in a historical, social, cultural and political moment. We recognize formation as processes that consider human being as subject of their own development, built from social relations. It is a qualitative research, theoretically at the interface between gender studies and feminist epistemologies, linked to post structuralism. In order to reach our objectives, we conducted a documentary research and a field research, carried out in two higher education institutions in Goiânia. The National Curricular Guidelines (DCN) composed the corpus of documentary research for Psychology Courses and Pedagogical Projects of Psychology Courses (PPC) of the studied institutions, and field research, developed from semi-structured interviews with five teachers from Núcleo Docente Estruturante (NDE) courses. We adopted the Discourse Analysis to verify the information constructed in the research. Documentary research results evidenced gender discourses invisibility in the DCN and their little presence in the PPCs of both institutions studied. In the field research, the participants recognized the importance of inserting gender studies in psychology training, emphasizing the need for the courses to promote, either in a specific discipline or in a transversal way to other disciplines, spaces that contemplate discussions on the subject, seen as part of psychologists skills and abilities. We hope that this research contributes to training projects development in psychology, committed to overcoming psychological practices that (re) produce pathologization, oppression and gender discrimination. It is necessary that psychologists become agents engaged in society transformation policies, among which we highlight gender issues.
Palavras-chave: Gênero
Formação
Psicologia
Diretrizes curriculares
Gender
Formation
Psychology
Curricular guidelines
Área(s) do CNPq: CIENCIAS HUMANAS
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Faculdade de Educação - FE (RG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Psicologia (FE)
Citação: ASSIS, M. M. Gênero e a formação de psicólogas/os em Goiás: problematizando (in)visibilidades e reflexos no ensino acadêmico. 2018. 127 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2018.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/8398
Data de defesa: 29-Mar-2018
Aparece nas coleções:Mestrado em Psicologia (FE)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Marcelo Marques Assis - 2018.pdf1,42 MBAdobe PDFBaixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons